"MAIS QUE TODA AÇÃO RELIGIOSA, DEUS QUER UM CORAÇÃO PURO"


                

"Mais que toda ação religiosa, Deus quer um coração puro" 

Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus; Mt 5.8

Esse é um ensinamento imortal pois ele é eterno. 

Enquanto na teologia cristã “Religião” é um elo de ligação com o Criador e a Criatura. A religiosidade especialmente a popular constrói pontes, vários tipos de pontes entre a Criatura e o Criador.“Religiosidade” leva o ser humano a dirigir ações que tornam o Criador manipulável pela imaginação, naquilo que é de seu interesse. 

De onde surgiu a Religiosidade? Surgiu da falta de um bom relacionamento do homem com Deus.

Hoje os lideres das denominações existentes copiaram hábitos e costumes baseados no Antigo Testamento para liderar o rebanho de Jesus pela força e manipulação! Quando um líder ou Pastor induz uma pessoa no que deve comer se vestir para agradar a Deus, isso é um meio de disciplina, para reter sua vontade própria e retendo com ele o único que sabe o caminho que ela deve o seguir. Isso é levar uma pessoa a chegar à um estado mental de miserabilidade da qual se sente acuada a seguir os preceitos dos homens pensando que estão agradando a Deus. A pergunta é de quem somos servos? Uma das coisas terríveis que os nazista faziam, quando , as pessoas entravam no campo de concentração tinham suas cabeças raspadas e suas roupas trocadas e por roupas horríveis. Isso era um meio de aprisionar as mentes delas antes mesmo de fechar as portas do campo de concentração.

No Antigo Testamento tudo que Deus ordenou que o homem fizesse era para um proposito, de protegê-los de doenças, ensinado os sobre higiene, provisão e previsão Dina , á pré-anunciação do Messias que viria. Ele institui a 1ª constituição pois as pessoas que saíram do Egito sentiram tanta liberdade que precisavam de leis para ensiná-los que os direitos deles terminavam quando o dos outros começavam, se não teria sido uma orgia. Deus não tirou o povo do Egito para viver numa orgia e nem ter intimidades com Ele através de seus hábitos exteriores e sim pela Fé é irma da obediência. É muito mais fácil usar um vestido até os pés e os homens fazerem as barbas do que o obedecerem a Deus. A obediência a Deus nos faz seres humanos melhores, piedosos, generosos, bondosos com o próximo e tudo que respira merece respeito, incluindo os animais , plantas.

Através de exemplos de alguns homens na Bíblia vemos Deus ensinando sobre relacionamento, intimidade que os homens teriam com Ele é muito mais profundo do que uma mudança exterior ou conduta hipócrita quando o coração aponta para outro lado. Veja: 

Abraão -Ele entendeu o chamado divino e obedeceu a proposta de Deus “anda na minha presença e sê perfeito. E porei a minha aliança entre mim e ti...” Gn 17:1 Mas lamentavelmente alguns estão indiferentes ao chamado de Deus. 

Pois que diz a Escritura? Abraão creu em Deus, e isso lhe foi imputado para justiça. Romanos 4:3“E assim, depois de esperar com paciência, obteve Abraão a promessa” Hebreus 6:15“ Pela fé, Abraão, quando chamado, obedeceu, a fim de ir para um lugar que devia receber por herança; e partiu sem saber aonde ia” Hebreus 11:8 Abraão ficou seguro de que o seu relacionamento com Deus era suficiente e iria ajudá-lo em todas as adversidades que teria pela frente.

Moisés -Teve experiências profundas com Deus no seu ministério, viu e participou de grandes sinais e maravilhas que o Senhor operara naqueles dias. E que dialogo tremendo de Moisés e o próprio Senhor Deus, leia no livro de Êxodo capitulo 33 do versículo 12 ao 17 “Respondeu-lhe: A minha presença irá contigo, e eu te darei descanso”. Então, lhe disse Moisés: Se a tua presença não vai comigo, não nos faças subir deste lugar.”“...acaso não é por andares tu conosco, e separados seremos, eu e o teu povo, de todo o povo que há sobre a face da terra? Êxodo 33:14 e15Vemos o relacionamento intimo deste homem que nos sugere uma posição de fé. “Falava o SENHOR a Moisés face a face, como qualquer fala a seu amigo”; Êxodo 33:11 

Novo Testamento é importante lembrarmos, o que Jesus foi rejeitado pelos religiosos. O apóstolo João afirma: “Veio para o que era seu, e os seus não o receberam” (João 1:11). Jesus foi rejeitado pelos homens que ele mesmo criou! Os religiosos rejeitaram quem os criou.

Jesus nos ensina quanto ao comportamento daqueles que são religiosos, veja o que diz Jesus:

1- Pessoas em posições de liderança religiosa frequentemente alimentam estas ideias de uma posição especial, mais perto de Deus. Jesus descreveu tais pessoas como as que “praticam . . . todas as suas obras com o fim de serem vistos dos homens”, se vestem de maneiras especiais, “amam o primeiro lugar” em atividades sociais e reuniões religiosas, e gostam de ser chamados por títulos de destaque (Mateus 23:5-7). 

2- Jesus ensinou seus servos a se comportarem de uma maneira totalmente diferente, não agindo para serem vistos por homens, seja nos seus atos de caridade ou nas suas orações (Mateus 6:1-8) 

3- Quando o Senhor observou o comportamento dos líderes dos judeus, ele criticou a sua religião por contrariar a vontade do Pai: “Por que transgredis vós também o mandamento de Deus, por causa da vossa tradição? . . . E, assim, invalidastes a palavra de Deus, por causa da vossa tradição. . . . E em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos de homens” (Mateus 15:3-9). 

Eu gostaria de fazer uma observação quanto a essa Fala de Jesus, observe bem que jesus diz que seguem as tradições e ensinam preceitos dos homens, não os preceitos de Deus. É meio parecido com algumas expressões que ouço alguns dizem:

Eu só da batista
Eu sou da Assembleia de Deus
Eu só presbiteriano
Eu sou da Universal

Eu sou da igreja da graça e por assim afora. Um dos meus professores na época em que eu era seminarista foi convidado para pregar e antes de pregar ele perguntou quantos aqui são da assembleia de deus? O templo em peso com orgulho respondeu eu, eu, eu, ai o professor disse em tom de tristeza “se Jesus viesse hoje vocês não iriam com Ele “ pois vocês acabaram de afirmar que são da assembleia de Deus e não de Jesus. Esse professor era professor da Assembleia de Deus. Os religiosos nos ensinam a confessar os preceitos deles e não de Jesus. No meu caso eu sou interdenominacional.

Agora observe esse ensinamento de Jesus: Toda planta que meu Pai celestial não plantou será arrancada. Deixai-os; são cegos, guias de cegos. Ora, se um cego guiar outro cego, cairão ambos no barranco” (Mateus 15:12-14). Jesus chamou os religiosos com suas religiosidades e rituais segundo os seus preceitos de guias cegos por que eles conduzem as pessoas aos seus próprios ensinamento.

Toda pessoa religiosa é insegura e tem problemas emocionais e não estão na graça. Por que? Porque precisam de rituais imitam Moisés subindo em montes para se sentirem mais perto de Deus, pois não conseguem sentir sua presença no ar que respiram, Ele esta em todos os lugares. Também precisam de vestes diferentes para se diferenciar dos que são do mundo, é importante observar que quando Deus criou o homem e a mulher eles não usavam roupas passaram a usar para cobrir seus pecados . 

Vou terminar com Palavras do Nosso Mestre em Mateus 23:

1Então Jesus disse ao povo e aos seus discípulos:

2-4 Os mestres da lei e os fariseus assumem autoridade sobre a lei, como se fossem o próprio Moisés. Pode estar certo fazer o que eles dizem, mas não devem fazer o que eles fazem! Porque eles próprios não fazem o que vos ensinam. Sobrecarregam-vos com pesados fardos e não estão dispostos a aliviar-vos, nem sequer com um dedo.

5-Tudo o que fazem é para dar nas vistas. Fingem-se santos, trazendo nos braços grandes caixas de orações com versículos das Escrituras dentro e alongando as franjas tradicionais dos seus mantos.¸

6-Mas depois lutam por se sentar à mesa principal dos banquetes e nos bancos reservados da sinagoga!

7-Ficam envaidecidos com o respeito que lhes é mostrado nas ruas e com o tratamento de mestre!

8-Não deixem que alguém vos trate assim. Só Deus é o vosso Mestre, e todos vocês são iguais, como irmãos

9-E não tratem ninguém aqui na Terra por Pai, pois há um só Pai, que é Deus que está no céu.

10-E não se chamem mestres a si mesmos, pois um só é o vosso mestre, a saber, o Messias.

11-Quanto mais humilde for o serviço que prestam aos outros, tanto maiores serão vocês. Para ser o maior de todos é preciso saber servir os outros.

12-Mas aqueles que se imaginam grandes passarão pela humilhação; e quem se humilha será engrandecido.

13-15-Ai de vocês, fariseus e mestres da lei, fingidos! Não deixam entrar os outros no reino dos céus, mas também lá não entrarão. Aparentam santidade com longas orações nas ruas, quando, afinal, roubam às viúvas as suas casas! Sim, ai de vocês, fingidos, porque fazem tudo para converter alguém e depois tornam essa pessoa duas vezes mais filha do inferno do que vocês mesmos!

16-17-Guias cegos! Ai de vocês! Porque afirmam que jurar pelo templo de Deus não tem importância e que tal juramento se pode quebrar, enquanto que um juramento feito pelo ouro de templo é obrigatório cumpri-lo! Cegos e loucos, que é maior: o ouro ou o templo que torna esse ouro santo?

18-22-E dizem que um juramento pelo altar pode ser quebrado, mas que um juramento pelas ofertas que estão sobre o altar é obrigatório cumpri-lo! Cegos e loucos! Pois que é maior: a oferta que está sobre o altar ou o próprio altar que a torna santa? Quando se jura pelo altar, jura-se por ele e por tudo o que sobre ele está, e, quando se jura pelo templo, jura-se por ele e por Deus, que nele está. E quando se jura pelos céus, jura-se pela morada de Deus e pelo próprio Deus.

23-24-Sim, ai de vocês, mestres da lei e fariseus, fingidos! Pois dão o dízimo da última folha de hortelã do vosso quintal, mas esquecem as coisas importantes, como a justiça, a compaixão, a fé. Sim, devem dar o dízimo, mas não devem esquecer as coisas de maior monta. Guias cegos! Tiram um mosquito que cai na comida, mas seriam capazes de engolir um camelo!

25-26Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, fingidos! Tão cuidadosos em polir o copo por fora, enquanto que por dentro está todo sujo de roubos e de cobiça! Fariseus cegos! Limpem primeiro o interior do copo e então todo ele ficará limpo.

27-28-Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! São como jazigos - belos, mas cheios de ossadas e de podridão. Procuram parecer santos, mas por baixo dos vossos mantos de piedade escondem-se corações manchados por toda a espécie de fingimento e pecado.

Amém?






Paz em Cristo.

NOVO TESTAMENTO

Quem caminha com Cristo, deve fazer a leitura do N.T. conforme a sequência que se segue, sem leitura orientada, a fim de que cada um, de si mesmo, verifique o significado do Evangelho sem as leituras pré-condicionantes aprendidas na religião. É preciso aprender a olhar as Escrituras a partir do Evangelho.

O EVANGELHO É A BOA NOVA


O Evangelho é a Boa Nova. O Evangelho é a certeza de que Deus se reconciliou com o mundo, em Cristo; e que agora os homens podem se desamedrontar, pois foi destruído aquele que tem o poder da morte — a saber: o diabo —; bem como foram libertos aqueles que estavam sujeitos à escravidão do medo da morte por toda a vida. Quem crer está livre, e pronto para começar a andar na paz”.

☛ QUERIDOS SEGUIDORES

☛QUERIDOS SEGUIDORES DO GOOGLE+

☛ Comentários Recentes

Minha lista de blogs