Lideres Religiosos Homofóbicos



O Pastor Silas Malafaia presidente das Assembleias de Deus do Brasil junto aos religiosos católicos fez uma manifestação pública em Brasília dia 1 de Junho. A manifestação é contra o projeto de lei 122 que criminaliza a opinião contra os homossexuais. O projeto torna crime à discriminação por orientação sexual e identidade de gênero - equiparando esta situação à discriminação de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional, sexo e gênero, ficando o autor do crime sujeito a pena, reclusão e multa.
Aprovado no Congresso Nacional, o PLC alterará a Lei nº 7.716, de 5 de janeiro de 1989, caracterizando crime a discriminação ou preconceito de gênero, sexo, orientação sexual e identidade de gênero. Isto quer dizer que todo cidadão ou cidadã que sofrer discriminação por causa de sua orientação sexual e identidade de gênero poderá prestar queixa formal na delegacia. Esta queixa levará à abertura de processo judicial. Caso seja provada a veracidade da acusação, o réu estará sujeito às penas definidas em lei.

Por que os “Pastores Psicólogos” sentem e praticam homofobia?
Por “que os ‘Religiosos católicos” sentem e praticam homofobia?
Por que as pessoas sentem e praticam homofobia?
Um estudo realizado por psicólogos da Universidade de Geórgia, EUA, em 1996, comparou homens universitários em relação a seus sentimentos direcionados aos gays e sua excitação ao assistirem vídeos de sexo gay masculino. Os jovens primeiramente responderam a um questionário que dividiu a amostra entre homofóbicos e não homofóbicos. Foram classificados homofóbicos aqueles que responderam dizendo possuir sentimentos de aversão e interesse em coagir pessoas gays. Foram classificados como não homofóbicos aqueles que responderam não se interessar ou se incomodar pela orientação sexual das outras pessoas. Depois a resposta sexual dos participantes foi medida enquanto eles assistiam a vídeos de sexo. Os participantes classificados como homofóbicos apresentaram resposta de excitação sexual ao assistirem filmes de sexo gay masculino, enquanto os nãos homofóbicos apresentaram excitação apenas diante de vídeos de sexo heterossexual ou homossexual feminino. Estes resultados sugerem uma questão intrigante: porque pessoas homofóbicas ficam excitadas ao assistirem sexo gay? Murray Sidman, em seu livro Coerção e suas Implicações, publicado no Brasil pela Editorial Psy em 1989, faz uma análise comportamental dos mecanismos de defesa primeiramente apresentados por Sigmund Freud. Sidman propõe que os mecanismos de defesa são uma resposta natural das pessoas à coerção e apresenta a formação reativa como um desses mecanismos. Para Sidman, a formação reativa tem a função de remover uma fonte de controle aversivo (veja mais aqui) e é caracterizada pela exibição de um comportamento oposto àquele que foi punido. Ela surge do conflito entre consequências positivamente reforçadoras e aversivas. Dessa forma, fica fácil entender que uma pessoa, ao expressar suas primeiras tendências de interesse pelo mesmo sexo e, sendo fortemente reprimida e coagida por esta expressão, passaria a demonstrar uma tendência oposta ao comportamento que foi punido. “Quando somos fortemente impelidos em direção a uma ação que inevitavelmente trará um choque, uma maneira efetiva de nos impedirmos de fazê-lo é fazer o oposto” (p. 182). É o que acontece com os perseguidores e assassinos de gays. 
Repare o que é Homofobia?
Esta expressão significa medo do homossexualismo. O medo do homossexualismo empurra as pessoas em direção ao sexo oposto com objetivos de reprodução e de garantir ao sujeito sua identidade heterossexual. A homofobia é típica de pessoas que, consciente ou inconscientemente, ainda têm muitas dúvidas e angústias sobre sua identidade sexual. Como mecanismo de defesa de sua insegurança, estas pessoas costumam ridicularizar e agredir os homossexuais. Casos muitos graves de homofobia levam o sujeito a fazer investidas como o assassinato de homossexuais.
Sidman, M. (1989). Coerção e suas implicações. Campinas: Editorial Psy.Adams, H. E., Wright Jr., L. W., Lohr, B. A. (1996). Is Homophobia associated with homosexual arousal? Journal of abnormal psychology, v. 105, n. 3, p. 440-445.
Posted in Artigos, Conceitos. Tagged with Análise do Comportamento, Conceitos Básicos de Análise do Comportamento, Psicologia, Vídeos. By Rodrigo16/11/
Agora vamos analisar esse assunto à luz da Bíblia:
Amor ao próximo não é um conselho e sim um mandamento de Jesus.
 Lucas 10:25
"Um mestre da Lei se levantou e, querendo encontrar alguma prova contra Jesus, perguntou:
Mestre, o que devo fazer para conseguir a vida eterna? Jesus respondeu: O que é que as Escrituras Sagradas dizem a respeito disso? E como é que você entende o que elas dizem? O homem respondeu: Ame o Senhor, seu Deus, com todo o coração, com toda a alma, com todas as forças e com toda a mente E ame o seu próximo como você ama a você mesmo? A sua resposta está certa! Disse Jesus Faça isso e você viverá! Porém o mestre da Lei, querendo se desculpar, perguntou: Mas quem é o meu próximo? Jesus respondeu assim:
Um homem estava descendo de Jerusalém para Jericó No caminho alguns ladrões o assaltaram, tiraram a sua roupa, bateram nele e o deixaram quase morto. Acontece que um sacerdote estava descendo por aquele mesmo caminho Quando viu o homem, tratou de passar pelo outro lado da estrada Também um levita passou por ali Olhou e também foi embora pelo outro lado da estrada. Mas um samaritano que estava viajando por aquele caminho chegou até ali. Quando viu o homem, ficou com muita pena dele Então chegou perto dele, limpou os seus ferimentos com azeite e vinho e em seguida os enfaixou. Depois disso, o samaritano colocou-o no seu próprio animal e o levou para uma pensão, onde cuidou dele. No dia seguinte, entregou duas moedas de prata ao dono da pensão, dizendo: Tome conta dele Quando eu passar por aqui na volta, pagarei o que você gastar a mais com ele.
Então Jesus perguntou ao mestre da Lei:

Em sua opinião, qual desses três foi o próximo do homem assaltado?
Aquele que o socorreu! Respondeu o mestre da Lei E Jesus disse: Pois vá e faça a mesma coisa"
Existem três pontos nessa ilustração que são a chave do entendimento da mesma, que são: A pergunta do mestre da lei: "Quem é o meu próximo?"
A pergunta do Senhor Jesus: "Qual dos três foi o próximo do homem assaltado?" A resposta do mestre da Lei: "Aquele que o socorreu"
Resumindo: O pastor Silas que é psicólogo sabe muito bem que nem a Bíblia nem a Psicologia lhe dá alicerce para julgar comportamento homossexual. Como Pastor ,peca terrivelmente porque Jesus respondeu já no texto citado acima. Os crimes contra homossexuais tem aumentado ,esse tipo de manifestação causará mais ódio e violência. Outra coisa que eu gostaria de dizer que todas as crianças que tem sido abusadas e assassinados assim como homens e mulheres e adolescentes, não vi nenhuma manifestação desse Pastor psicólogo a favor contra impunidade quanto a esses crimes. Quanto aos católicos deveriam exigir do Papado prisão aos Padres pedófilos. Na situação dos Bombeiros no Rio de Janeiro também não vi nenhuma manifestação liderada por esse Pastor em favor de chefes de família que salvam vidas e ganham uma miséria e levaram tiros de fuzil por reivindicarem seus direitos. Sabe lembrei-me que nos Estados Unidos havia um Pastor que fazia muitos protestos contra o homossexualismo depois foi descoberto que ele tinha um amante ele era gay. O que mais pregamos é a nossa fraqueza. A missão dos cristãos é transmitir os ensinamentos de Jesus. Os ensinamentos de Jesus é que faz a diferença. Receio muito que só conseguiremos ódio, é repulsa com essas manifestações. Se você gosta de violência participe da manifestação do Pastor Silas Malafaia se você não concorda transmita os ensinamentos de Jesus. Só Espirito santo, só Ele pode convencer o homem se o que ele faz é pecado ou não. Não somos Juízes e no Brasil tem tanta coisa errada porque será que o Pastor e os católicos só estão com olhos focados nos homossexuais? Um Pastor deve estar envolvidos em causas nobres por exemplo está frio tem crianças na rua ao relento nas mãos de adultos impiedosos. O Pastor sabe muito bem que no centro da cidade crianças de 3 anos 4, 5 etc. com fome são alimentadas por homens que param com seus carrões e dão a eles um cachorro quente em troca de sexo oral. Porque esse Pastor não vai ao Palácio do Governador e exige que isso acabe isso acontece na cinelândia No entanto tem homossexuais com condição financeira e amor para doar querendo adotar, tirar essas crianças do frio da fome, do chão. Os Juízes não permitem por quê? Eles são homossexuais, ou seja, é melhor a rua e o sexo oral por um cachorro quente. Reparem que todas as maldades que estão sendo feitas às crianças, é por heterossexuais, o que quero dizer é que a pratica sexual de uma pessoa não define o seu caráter há não ser nos casos de pedófilos .Quero-lhes dizer que sou cristã tenho amigos Pastores prego em templos evangélicos, mas não sou hipócrita. Caráter Cristão já! Reforma intima já. O Pastor não quer, que seja aprovada a lei da qual os homossexuais não poderão sofrer chacotas, torturas. A pessoa que o fizer será presa ou multada, o Pastor disse que isso já existe se alguém fizer mal há um homossexual já tem leis para isso. Então não precisamos da Lei Maria da Penha, nem o negro precisa da lei contra o racismo, e assim a do deficiente. 

Observação final: A Psicologia não é uma ciência exata e nem julga comportamento- o Pastor Silas Malafaia é Psicologo sabe disso; mas julga comportamentos .A Bíblia não nos dá permissão para julgar por isso minha indignação. Não o conheço não tenho problemas pessoais com ele, mas me causa indignação a esse movimento que tem aumentado os crimes contra homossexuais. Esse com certeza não é o Evangelho de Jesus. Veja o que diz O Evangelho de Lucas capítulo :6.41-42 imagina você num culto onde o Pastor começa orando pedindo perdão pelos pecados cometidos, entre eles, mentira, vicio, traição, prostituição. Estranho não é? Você ficaria ouvindo a pregação de um Pastor que não vive o que prega? O que essa pessoa teria para te oferecer? Claro que absolutamente nada. Esse tipo de comportamento não é o que se espera de um Pastor, de uma pessoa que prega a Palavra de Deus. E essas atitudes desqualificam o ministério de qualquer um. Como um homem pode guiar a outro se ele mesmo não enxerga? Como ele vai falar de salvação se ele mesmo não esta salvo? Jesus o chama de guia cego. A autoridade das palavras de um homem de Deus está no fato dele viver o que diz. As minhas palavras precisam ser consequências do meu viver. A pessoa que crê, confessa a Fé em Cristo, mas não guarda os mandamentos, tenta ensinar outros e não vive os próprios ensinamentos, vira uma fraude, um enganador. E se esse Pastor sofrer um traumatismo craniano for levado para um hospital chegando lá o único cirurgião especializado em traumatismo for um gay será que ele não vai querer ser operado? sabe porque eu estou dizendo isso poque essa é uma história verídica Havia um homem que perseguia homossexuais Foi a passeio para uma cidade do interior lá seu único filho sofreu um grave acidente então uma equipe médica disse ao pai do rapaz que havia ali um cirurgião ótimo que poderia salvar a vida de seu filho mas que ele era gay se ele aceitava, qual foi a resposta? salve o meu filho o medico gay operou o rapaz que sobreviveu e o pai pediu desculpa ao medico e confessou o seu preconceito. Eu ensino a Bíblia quase 18 á 19 anos no outro dia passei muito mal fui levada ao hospital ,o médico que me atendeu é gay fui tratada muito bem sai ótima Eu amo todos aqueles que tem o sopro de vida e o respeito independente de sua opção sexual, eu sou heterossexual isso não me dá o direito de julgar quem não é.  Só o evangelho transforma sem força pois é pelo poder do Espirito Santo que há transformação, e não pregando que uma pessoa tem que mudar.
Paz em Cristo.

NOVO TESTAMENTO

Quem caminha com Cristo, deve fazer a leitura do N.T. conforme a sequência que se segue, sem leitura orientada, a fim de que cada um, de si mesmo, verifique o significado do Evangelho sem as leituras pré-condicionantes aprendidas na religião. É preciso aprender a olhar as Escrituras a partir do Evangelho.

O EVANGELHO É A BOA NOVA


O Evangelho é a Boa Nova. O Evangelho é a certeza de que Deus se reconciliou com o mundo, em Cristo; e que agora os homens podem se desamedrontar, pois foi destruído aquele que tem o poder da morte — a saber: o diabo —; bem como foram libertos aqueles que estavam sujeitos à escravidão do medo da morte por toda a vida. Quem crer está livre, e pronto para começar a andar na paz”.

☛ QUERIDOS SEGUIDORES

☛QUERIDOS SEGUIDORES DO GOOGLE+

☛ Comentários Recentes

Minha lista de blogs