Desenvolva Sua Fé.

"E vós também, pondo nisto mesmo toda a diligência, acrescentai à vossa fé a virtude, e à virtude a ciência," 2ªPE 1:5
Acrescentai a vossa fé a virtude: a virtude é o mesmo que excelência moral, domínio espiritual, honra, postura, a fé sem definição, sem testemunho, não existe. (Fp 4:8) (1ªCo 2:9)

À virtude a ciência: A ciência é a soma dos conhecimentos práticos da vida, que se adquire pela leitura ou meditação, sabedoria, é necessário para que se tenha uma fé virtuosa, definida, honrosa, obter experiências na leitura da palavra, e na vida prática, é preciso conhecer o projeto do Senhor, é preciso conhecer o temor do Senhor que é o princípio da sabedoria, da ciência, fé, virtude, ciência. (Dn 1:4) (At 7:22)

À ciência a temperança: Temperança é o mesmo que moderação, sobriedade, a ciência, ou sabedoria, só existe se for lúcida, sóbria, sem dúvidas, é o que o Espírito Santo ensina, revela a palavra do Senhor que não nos deixa confundidos pela multidão das palavras, das letras, por isso todo conhecimento de Deus nos é revelado com mansidão, moderação, o servo é calmo, moderado, é tranqüilo, porque a ansiedade e inconstância causadas pelo mundo e´tirada pelo Senhor, o servo conhece pelo Espírito, não pela letra. (At 24:25) (Rm 12:3)

À temperança a paciência: A paciência é a capacidade de sofrer ou suportar com calma e sem reclamar. O cumprimento do projeto de salvação cumprido pelo Senhor Jesus está precisamente demonstrado nesta característica, tudo que sofreu e suportou para proporcionar salvação ao homem. A sobriedade, a calma, a moderação, estão intimamente ligadas à paciência, como pode o homem ser paciente se não for moderado, calmo, como haveria salvação, como haveria obra, se Jesus e outros servos do passado não tivessem esta característica? (Nm 12:3-Moisés) (Mt 11:29-Jesus)

À paciência a piedade: Piedade é o mesmo que devoção que por sua vez é o mesmo que adoração, compaixão, que é o mesmo que pena, misericórdia. Como uma escada, Pedro mostra que ter fé é viver uma seqüência de características intimamente ligadas, onde a ausência de uma delas descaracterizaria um servo de fé, pois a piedade esta presente no corpo pelos Grupos de Assistência no dia a dia do servo. (Cl 2:23)(Mc 9:22)
À piedade o amor fraternal: a fraternidade é a união, como a de irmãos, de família, é a amizade cristã. É o corpo plenamente constituído com Jesus o cabeça da igreja. (At 16:5) O sangue não circula fora do corpo.
E ao amor fraternal a caridade: a caridade é o amor manifestado no ato de ajudar ao necessitado: Pedro nos ensina então que devemos andar sob características que estão intimamente ligadas e que como uma escada nos eleva a condição de servos de verdadeira fé. Na carta a Timóteo no capítulo um e versículo cinco (1:5), Paulo menciona acerca de uma fé não fingida, e podemos concluir que esta é a fé não fingida, a fé virtuosa, sábia, sóbria, paciente e não questionadora, piedosa e devotada, fraterna e amiga, e caridosa e ajudadora.

NOVO TESTAMENTO

Quem caminha com Cristo, deve fazer a leitura do N.T. conforme a sequência que se segue, sem leitura orientada, a fim de que cada um, de si mesmo, verifique o significado do Evangelho sem as leituras pré-condicionantes aprendidas na religião. É preciso aprender a olhar as Escrituras a partir do Evangelho.

O EVANGELHO É A BOA NOVA


O Evangelho é a Boa Nova. O Evangelho é a certeza de que Deus se reconciliou com o mundo, em Cristo; e que agora os homens podem se desamedrontar, pois foi destruído aquele que tem o poder da morte — a saber: o diabo —; bem como foram libertos aqueles que estavam sujeitos à escravidão do medo da morte por toda a vida. Quem crer está livre, e pronto para começar a andar na paz”.

☛ QUERIDOS SEGUIDORES

☛QUERIDOS SEGUIDORES DO GOOGLE+

☛ Comentários Recentes

Minha lista de blogs