Postagens Aleatórias

O Caminho

"Fora do Caminho da Graça em Cristo, não há caminho a ser feito!"

Sem A Cruz Não Á Coroa

Os soldados, tendo tecido uma coroa de espinhos, puseram-lhe na cabeça… —João 19:2
As Joias da Coroa do Reino Unido estão armazenadas e protegidas dentro da Torre de Londres sob vigilância 24 horas por dia. Todos os anos, milhões visitam a área de exposição para maravilharem-se com estes tesouros adornados. As Joias da Coroa simbolizam o poder do reino, assim como o prestígio e a posição daqueles que as usam. Parte das Joias da Coroa são as próprias coroas. Há três tipos diferentes: a coroa para coroação, que é a coroa usada quando um indivíduo é coroado como monarca; a coroa do estado (ou diadema), que é usada para várias funções; e a coroa de cônjuge, usada pela esposa de um rei em exercício. Coroas diferentes servem propósitos diferentes.

O Rei do céu, que era digno da maior coroa e da mais elevada honra, usou uma coroa diferente. Nas horas de humilhação e sofrimento que Cristo experimentou antes de ser crucificado, “Os soldados, tendo tecido uma coroa de espinhos, puseram-lhe na cabeça e vestiram-no com um manto de púrpura” (João 19:2). Naquele dia, a coroa, que normalmente é um símbolo de realeza e honra, tornou-se uma ferramenta de zombaria e ódio. No entanto, nosso Salvador deliberadamente usou essa coroa por nós, carregando nosso pecado e nossa vergonha. Aquele que merecia a melhor de todas as coroas recebeu a pior delas, por nós.  Sem a cruz não haveria coroa.
Pão diário.