O Amor Divino

O  que  me  der  ouvidos  habitará  seguro, tranquilo  e  sem  temor  do  mal. (Provérbios 1.33)
O amor divino é expresso visivelmente quando brilha em meio aos julgamentos. Formosa é aquela estrela solitária que brilha através das fendas das nuvens que trazem trovoadas. Luminoso é o oásis que floresce no deserto arenoso. Tão formoso e tão luminoso é o amor em meio à ira. Por meio de sua contínua idolatria, os israelitas provocaram o Altíssimo. Ele os castigou privando-os da chuva e do orvalho, de modo que a terra deles foi visitada pela fome. Mas, enquanto Deus fez isso, Ele teve o cuidado de que seus próprios eleitos ficassem seguros. Se todos os outros ribeiros estão secos, haverá um reservado para Elias. E, quando esse ribeiro secar, Deus ainda preservará para Elias um lugar de sobrevivência. O Senhor não tinha ape­ nas um Elias, e sim um remanescente, de acordo com a eleição da graça, escondido, em grupos de cinquenta, em uma caverna. Embora toda a terra estivesse subjugada à fome, os cinquenta que estavam na caverna eram alimentados, da mesa de Acabe, por Obadias, o fiel e temente servo do Senhor.
Destes acontecimentos, devemos inferir que, aconteça o que acontecer, o povo de Deus está sempre seguro. Que os terremotos abalem toda a terra, e os próprios céus se rasguem ao meio; em meio à destruição final, o crente permanecerá tão seguro como se estivesse em um momento de descanso! Se Deus não salvar o seu povo na terra, Ele os salvará no céu. Se o mundo se tornar insuportável para os filhos de Deus, então, o céu lhes será o lugar de aceitação e segurança. Mantenha-se confiante quando ouvir falar de guerras e rumores de guerra (ver Mateus 24.6). Não importa o que aconteça na terra, você está seguro, visto que se encontra abrigado sob as asas de Jeová. Aguarde as promessas dEle e descanse em sua fidelidade. Resista ao mais negro futuro, pois nele não há nada medonho para você. Sua exclusiva preocupação deveria ser mostrar ao mundo a bem­ aventurança de ouvir a voz da sabedoria.

Escrito Por Charles Spurgeon

NOVO TESTAMENTO

Quem caminha com Cristo, deve fazer a leitura do N.T. conforme a sequência que se segue, sem leitura orientada, a fim de que cada um, de si mesmo, verifique o significado do Evangelho sem as leituras pré-condicionantes aprendidas na religião. É preciso aprender a olhar as Escrituras a partir do Evangelho.

O EVANGELHO É A BOA NOVA


O Evangelho é a Boa Nova. O Evangelho é a certeza de que Deus se reconciliou com o mundo, em Cristo; e que agora os homens podem se desamedrontar, pois foi destruído aquele que tem o poder da morte — a saber: o diabo —; bem como foram libertos aqueles que estavam sujeitos à escravidão do medo da morte por toda a vida. Quem crer está livre, e pronto para começar a andar na paz”.

☛ QUERIDOS SEGUIDORES

☛QUERIDOS SEGUIDORES DO GOOGLE+

☛ Comentários Recentes

Minha lista de blogs